8 ideias geniais para preservar a bateria do seu celular enquanto viaja

Você confia no seu telefone mais que qualquer coisa quando viaja. É a sua câmera, seu acesso ao Facebook, seu tradutor e o seu localizador de restaurante mais próximo, dentre outras coisas. Você tem algum palpite sobre por que a bateria do seu celular acaba tão rápido?

Como preservar a bateria do seu celular

Não se preocupe – existem modos de preservar a bateria do seu aparelho que podem fazer a diferença quando você estiver viajando. Aqui estão oito dicas que a Apple, T-Mobile e Verizon nos deram para te ajudar a poupar bateria seja para uma viagem de um dia ou aquela viagem dos sonhos.

1. Ative o modo avião – mesmo quando você não está no avião

Quando você está viajando internacionalmente ou em áreas mais remotas o seu telefone está trabalhando duro para mantê-lo conectado mesmo quando você não precisa estar. Não importa onde você esteja, seu telefone está sempre procurando por sinal. E mesmo depois do seu celular ter encontrado sinal, ele vai continuar lutando para encontrar um melhor ainda.

Tente isso: Coloque seu celular no modo avião e desativando a procura pelo sinal de serviço. Ou, antes de viajar (especialmente se você está indo para fora do país), contrate um plano de telefonia do país com roaming gratuito, dados, texto e tarifa de chamada única.

2. Ative o modo de economia de energia

Há um pôr-do-sol lindíssimo e seus olhos já planejaram a foto perfeita – palmeiras, areia, mar e bangalô – mas a bateria do seu celular está quase morta. Não há tempo para encontrar um local para recarga. Neste caso o melhor a se fazer é prolongar a energia que lhe resta reduzindo a performance do celular.

Tente isso: Alguns celulares irão te avisar quando o nível de bateria alcançar 20% ou 10% oferecendo a opção de ativar o modo de economia de bateria. É uma tarefa rápida, isso desativa momentaneamente todos os aplicativos que não são essenciais. Diminui a luminosidade do visor, reduz alguns efeitos visuais, para a sincronização de e-mail e de todos os serviços de compartilhamento como Airdrop e iCloud no caso do iPhone. Se você não receber essa opção automaticamente, vá até a opção de economia de energia do seu celular e ligue-a.

3. Personalize os aplicativos que te enviam notificações antes de viajar

Se a internet do seu celular está desativada, é um tanto quanto desafiador encontrar Wifi especialmente quando a viagem é para locais isolados. Infelizmente, no momento em que você conseguir conectar a uma rede Wifi, todos os seus aplicativos começarão a atualizar e sincronizar ao mesmo tempo, acabando com sua bateria. Outro “sanguessuga” para baterias são as notificações que “acordam” o visor do seu celular desnecessariamente.

Tente isso: Desative as atualizações e as notificações dos seus aplicativos de redes sociais, então você não será surpreendido por um batalhão de notificações de uma vez só, recomenda Albert Aydin, gerente de relações públicas da Verizon Wireless. Quando você faz isso, aqueles aplicativos irão apenas sincronizar e utilizar bateria se você os abrir manualmente. Vá até suas configurações de notificações e desligue esses alertas. Desligue também downloads automáticos dos seus aplicativos no Google Play ou loja do iTunes.

4. Desligue os serviços de localização

É claro, serviços de localização são uma mão-na-roda quando você está vagando por Paris’ Avenue des Champs-Elysees, tentando descobrir quais cafés estão por perto, e voila! Google Maps já sabe onde você está e instantaneamente mostra os pinos de localização de todos eles. Mas, de verdade, vale a pena comprometer sua bateria para executar constantemente esse aplicativo? Provavelmente não.

Tente isso: Desligue seus serviços de localização e apenas ative-o no momento em que você o precisar e apenas no aplicativo em que você estará utilizando no momento. Nas configurações de serviços de localização você poderá ver quais aplicativos estão utilizando a localização automática e selecionar quais aplicativos deverão utilizá-los ou não. Outros sugadores de bateria podem permanecer desligados só até antes você precisar utilizá-los. Isso inclui GPS, Bluetooth, AIrDrop (iPhone), e Wifi. “Essas tecnologias trabalham checando constantemente redes disponíveis e cada vez que esse check-up acontece, sua bateria é drenada um pouco”, diz Christian Anderson, vice presidente de gerência de negócios da T-Mobile.

5. Evite temperaturas extremas

Será provavelmente a última coisa que você terá em mente quando estiver sentado na beira da piscina em Vegas ou mergulhado na cena de esqui em uma mesa externa de Whister village, mas a temperatura afeta a duração da bateria do seu celular. Um aparelho da Apple é desenvolvido para funcionar em temperaturas entre 16 e 22 graus Celsius, por exemplo. Sua bateria pode não carregar acima de 80% em condições de calor mais intenso. Temperaturas acima de 35 graus Celsius podem danificar a capacidade da bateria permanentemente. Em condições de frio a vida da bateria diminui temporariamente mas volta ao normal uma vez no intervalo de temperatura indicada pelo fabricante.

Tente isso: Mantenha seu celular aquecido em condições de frio colocando-o em um bolso colado ao seu corpo. Em calor extremo, esconda seu celular na sombra, fora da luz solar direta, ou considere deixá-lo no ar-condicionado do seu quarto de hotel.

6. Ajuste o brilho da sua tela e OLED display

A tela do seu telefone é o maior consumidor de bateria e o brilho pode fazer uma imensa diferença na duração da bateria. iPhones novos ou aparelhos Android possuem OLED (Organic Light Emitting Diodes) telas com cores aprimoradas e preto onde os pixels realmente desligam completamente, diminuindo o consumo de bateria feito pela tela. Se você gosta de utilizar seu celular na hora de dormir, diminuir a luminosidade contribui para evitar que seu sono seja afetado.

Tente isso: Diminua o brilho da tela do seu telefone ao máximo para que seus olhos ainda consigam enxergar ou deixe-o em ajuste automático de luminosidade. O ajuste automático adapta a tela para uso em diferentes ambientes além de diferentes atividades como utilizar a internet, por exemplo. Se você possui um celular novo, use o “true black” a seu favor alterando seu fundo de tela e tela de bloqueio para preto. Também utilize temas escuros sempre que possível para diminuir o gasto de bateria entre a utilização de aplicativos.

7. Pare de buscar e atualizar

Quem não ama a instantânea satisfação em ver “likes” em redes sociais segundos depois de ter postado uma foto divertida da aventura vivida em um dia de viagem?  Infelizmente Facebook e Twitter são dois dos maiores assassinos de bateria porque eles estão constantemente atualizando o conteúdo do seu feed de atualizações com os posts dos seus amigos. Mesmo quando eles não estão em uso eles estão sendo atualizados para que quando você abra o aplicativo a informação mais recente seja exibida.

Tente isso: As configurações de bateria do iPhone mostram quais aplicativos estão carregados em planos de fundo. Em configurações gerais você pode desligar a opção “atualização do aplicativo em segundo plano” para qualquer aplicativo instalado no seu celular. Em outros telefones você vai precisar entrar em configurações e então em aplicativos e selecionar o aplicativo específico para mudar a otimização de bateria e sua atividade em plano de fundo. Outra dica: no seu aplicativo de e-mail você pode escolher carregar dados manualmente ou menos frequentemente.

8. Baixe aplicativos e conteúdo antes da sua viagem

Atrasos de voo e cancelamentos são impossíveis de evitar, e quando eles acontecem você está frequentemente preso em um portão de aeroporto onde outlets são escassos. Ver filmes em seu celular ou outro aparelho pode soar como uma boa ideia. Mas esteja ciente de que sua bateria será drenada se você não baixou os shows que gostaria de assistir ou os jogos que gostaria de jogar. Fazer o download de um filme ou novo aplicativo pode rapidamente acabar com a bateria do seu celular.

Tente isso: Antes de sair de casa, baixe TV shows e filmes através do aplicativo da Netflix em seu Apple iOS ou smartphone Android. Se você baixar os shows e filmes que estão disponíveis off-line, você poderá assisti-los mais tarde sem conectar-se à internet e sem gastar bateria.

 

Fonte: https://www.smartertravel.com/2017/12/20/phone-battery-life/

 

Jaubert Gapski

Autor: Jaubert Gapski

Viciado em viajar e em falar alemão, viciado em família também, nas horas vagas.

Compartilhe esta página

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *